Marina Curtis é nutricionista na Google de Belo Horizonte, e eu lhe digo, ela trabalha num ambiente de trabalho diferente.

A primeira vista, o Google Brasil é uma empresa como qualquer outra, com computadores, baias dividindo as estações de trabalho e gente perambulando de um lado para o outro. Quem anda pelo centro de desenvolvimento de BH nota que nesses lugares o Google também criou um clima de trabalho diferenciado.

Os engenheiros e programadores trabalham de bermuda e chinelão. Alguns deles perambulam descalços pelo escritório. Também há bandeiras para todo lado, e bolas de pilates, de futebol e basquete dividem espaço com as baias e os computadores. Tanto em São Paulo quanto em Belo Horizonte há profissionais do Google responsáveis por alinhar com os colegas de trabalho se o cardápio servido pelo restaurante está a contento de todos.

Diante de um número alto de reclamações muda-se o menu. O mesmo vale para os snacks e comidinhas (amendoins, castanhas e nozes) que estão à disposição gratuitamente para todos. O mesmo funcionário é responsável pela agenda de festas na empresa. E lá diversão é algo levado a sério, tanto quanto desenvolver produtos, criar novos códigos e vender ferramentas e anúncios online.

Há, por exemplo, o Hollywood Legend Day, dia em que os funcionários vão fantasiados, imitando uma celebridade de Hollywood. Nesse dia, funcionários e executivos vão às reuniões de trabalho e a encontros com clientes devidamente caracterizados. “As pessoas, tanto as que estão internas quanto as que estão externas, adoram“, diz Igor Lima, estrategista de contas sênior do Google Brasil. 

Marina, que faz também universidade de gastronomia, e acompanha o nosso blog, nos conta que, em todo o mundo, o google estimula seus nutricionistas a criarem uma refeição com um determinado produto num determinado dia do ano.
Nesta semana, o produto foi o Farro, que pode ser encontrado no Brasil como o nome de espelta. Ela nos pediu ajuda sobre este grão, fomos pesquisar e vimos que ele é um trigo vermelho, usado aqui no Brasil na composição da ração humana, muito saudável e nutritivo. Pesquisamos para ver onde se encontra e foi-nos informado o Mercado Central. 

Mas, Marina disse que não encontrou e a alternativa foi ir até ao Verdemar, Santo Verdemar para procurar:  “não achei o grão, mas achei uma massa integral feita com farro, então, fizemos a massa fria com tomate cereja, mussarela de bufala, manjericão e azeite! Ficou muito gostosa. Achei a massa cara, por ser importada da Itália onde o Farro é muito utilizado, custou mais de 15 reais cada caixa com 500g! Eu queria mesmo ter encontrado o grão integral para fazer uma salada bacana, mas infelizmente não achei“…diz ela.


Mas, como vemos na foto, é uma opção de comida saudável e saborosa! 
Num lugar onde os funcionários pedem para não servir suco da caixinha de tal empresa, porque essa empresa faz experiência com animais, o farro vem como uma opção politicamente correta.

Obrigada Marina! Sucesso com os nerds!

A Confraria adorou saber desta história.

Salada Google

Por 11 de novembro de 2011

Instruções

Misture tudo e sirva a seguir.

Dica Ellas
Para o molho da salada, você pode bater no liqüidificador, azeite, manjericão ou rúcula, queijo parmesão, pignoli ou castanha de cajú, sal e pimenta, tudo ao seu gosto. Fica ótimo! Misture na salada.

Imprimir
icone-imprimirimprimir receita

Adicionar aos favoritos